Informações

Curriculo...

Publicações

Áreas de Pesquisa

Projetos de Pesquisa

Eventos

Premios

Ensino de Graduação

Ensino de Pós Graduação

Informações para Candidatos à Orientação

Fotografias de Florianópolis Antiga

Viagem à Índia

Você lê?

Links

 

Prof. Dr. rer.nat. Aldo von Wangenheim

...[ Cyclops Research Group ]...
» Brazilian Institute for Digital Convergence - INCoD
» Computer Graphics and Image Processing Laboratory - LAPIX
» Telemedicine Laboratory - LabTelemed

Faculty member of the Department of Computer Sciences - INE

Federal University of Santa Catarina - UFSC
Contato:
 Tel.: +55-48-3721-4715
  Skype: awangenh

  Curriculum Lattes: http://lattes.cnpq.br/2828124381670231
  Research Gate: https://www.researchgate.net/profile/Aldo_Von_Wangenheim2
  Google Scholar: https://scholar.google.com.br/citations?hl=en&user=a7XTMeIAAAAJ
Docente dos seguintes Cursos: Orientação de TCCs, Mestrado e Doutorado:
  • Informações para Candidatos à Orientação no âmbito do Instituto Nacional para Convergência Digital - INCoD nas áreas de aplicação de Informática Médica, Telemedicina, Análise de Imagens Médicas e Computação Gráfica aplicadas à Medicina e Ensino da Computação para Crianças
Laboratórios e Instituto
Especial 40 anos do Homem na Lua


Meu tio-avô Gustav von Wangenheim (mais conhecido por sua atuação como Hutter no filme "Nosferatu" de Murnau) atuou no filme de Fritz Lang de 1929 "A Mulher na Lua", considerado pela crítica como o primeiro filme de "hard science-fiction" ou "ficção científica séria", onde o rigor científico é seguido ao máximo ao se elaborar a trama.  Como estamos comemorando 40 anos do Homem na Lua e se supõe que eu faça Ciência, resolvi criar uma página para homenagear esse membro da minha família que ajudou a instilar o sonho da conquista científica em uma geração anterior à minha. Clique aqui e divirta-se..


Nossas pesquisas em destaque na CUDA Zone da NVIDIA: Real Time Fiber Tracking

                   CUDA Zone

Vídeo de nosso Grupo de Pesquisas em Destaque:  Tractografia Cerebral em Tempo Real para Neuroimagem Funcional
Imagem de tractografia
 
Prêmios:

IEEE CBMS 2016 Best Student Paper Award




Google RISE Award 2015 pela Iniciativa Computação na Escola. Leia mais aqui.


Best Paper Award no SIBGRAPI 2014





2º Lugar no Concurso de Teses e Dissertações 2011 - CTD2011 - da SBC pela dissertação de mestrado do orientando Antônio Carlos Sobieranski em segmentação de imagens a cores utilizando métricas não-lineares de similaridade de cores.


Placa comemorativa em homenagem ao Milionésimo Exame do Sistema Integrado Catarinense de Telemedicina eTelessaúde (STT/SC) outorgada pelo Governo do Estado de Santa Catarina.

O evento também recebeu uma  homenagem da Assembléia Legislativa do Estado de Santa Catarina.

Placa Comemorativa

O 39º Congresso Brasileiro de Otorrinolaringologia  e Cirurgia Cérvico-Facial  concedeu o prêmio de melhor apresentação oral ao trabalho Correlação do Percentual de Timpanoesclerose na Membrana Timpânica com Perda Auditiva que foi realizado através da utilização de técnicas de análise quantittaiva de otoscopia especialmente desenvolvidas no Grupo Cyclops.


Premio Otorrino 2008
 



A Society for Imaging Informatics in Medicine concedeu uma Menção Honrosa ao trabalho com processamento distribuído de imagens médicas apresentado no encontro anual da Sociedade - SIIM 2007 (Antigo SCAR) realizado em Rhode Island, EUA.






O software Sala de Laudos Virtual da Cyclops Medical Station desenvolvida pelo  Projeto Cyclops recebeu o Prêmio Microsoft do Reconhecimento Científico pelo melhor trabalho apresentado no X Congresso da Sociedade Internacional de Telemedicina e Telesaúde em São Paulo em Outubro de 2005.




O artigo "A Framework for Radiological Assistant Systems", descrevendo a primeira versão do Sistema de Workflow Radiológico do Cyclops recebeu o IEEE Best Paper Award no 15º CBMS - IEEE Symposium on Computer-Based Medical Systems em Julho de 2002.

IEEE-cbms-best-paper-award


O que estou lendo ?  Svante Pääbo - Neanderthal Man: In Search of Lost Genomes. Neste livro Svante Pääbo conta sua história e a história de sua pesquisa revolucionária: de como um rapaz bastardo proveniente da desdenhada minoria finlandesa no leste da Suécia que queria ser egiptólogo e decidiu estudar medicina porque tinha chego à concusão que, se seguisse a profissão da arqueologia, ele ia acabar ou (a) professor mal-pago de história de colégio ou (b) desempregado se tornou, segundo a revista Forbes, uma das 100 pessoas mais influentes deste início de século XXI. Para quem trabalha com pesquisa, o livro é um exemplo fantástico de como, com perseverança, paciência, trabalho duro e pensamento multidisciplinar, foi possível unir Paleontologia, Biologia Molecular e Bioinformática em um único chapéu e revolucionar a forma como encaramos não só os fósseis, mas também as nossas próprias origens. Além disso, ler como um estudante de medicina que não queria saber de pacientes foi parar, por acaso, como bolsista em um laboratório de virologia e começou a usar, às escondidas, os equipamentos de lá para extrair e sequenciar DNA de múmias que ele conseguia através de muito esforço e muita vodca com curadores de museus da Alemanha Oriental é de morrer de rir...